COMO CONCEBER UM NEGÓCIO DE SUCESSO

Quem não conhece alguém que tenha empreendido e após algum tempo fechado a empresa por motivo de estresse, falta de dinheiro, ou até mesmo, as duas coisas?

Pois bem, parece que de forma geral pelo Brasil existe um protocolo para se abrir um negócio. Tal protocolo está no popular e geralmente segue o seguinte padrão: A pessoa recebe uma herança, um acerto do emprego formal ou uma doação e resolve que não mais quer um patrão, e a partir daí afirma para si mesma que terá sua própria empresa. Ocorre que na maioria das vezes ela tem o pensamento todo voltado para ganhar dinheiro, sendo este seu primeiro grande erro. Tal erro pode ser o responsável pelo fechamento de 60% das empresas nos 5 primeiros anos de existência.

Após a identificação de que o objetivo é o dinheiro, ela começa a se perguntar qual seria o ramo lucrativo, sendo o primeiro observatório sua própria cidade. No final da década de 90 em uma cidade de Minas Gerais houve uma demissão em massa de uma grande indústria. Naquela época era consenso que faltavam padarias naquela cidade que tinha cerca de 180 mil habitantes, e as que estavam funcionando estavam muito bem financeiramente. Cerca de 80 dos funcionários demitidos decidiram por abrir uma padaria com seu acerto na indústria. Não levou 5 anos para que 85% das padarias fechassem.

A seriedade no processo de escolha de um negócio é ilimitada, observe que as empresas que fecharam no caso acima, não representam simplesmente, um negócio fechando. É o dinheiro de uma boa parte da vida trabalhando que foi perdido, são sonhos da família perdidos, muitas vezes, além de fechar o empreendedor nem tem o direito de recomeçar do zero, ele tem o direito de recomeçar abaixo do zero, quando o mesmo contrai dívidas e não consegue solvê-las. Enfim, pensar em um negócio é algo muito sério, pois não diz respeito ao negócio apenas, tem relação com a vida de quem vai empreender.

Então, como diminuir a quase zero a chance do seu negócio não dar certo?

  • Em primeiro lugar você deve saber qual sua habilidade ou o que você ama fazer. Não se deve esquecer que seu trabalho leva uma boa parte de sua vida, sendo assim, o ideal é que seu trabalho seja uma parte boa da sua vida, não apenas uma obrigação que passa o dia aguardando o descanso;
  • Ao identificar sua vocação e paixão, você deve avaliar seu mercado. Não há problemas que hajam diversos concorrentes, pois mesmo com eles, você só abrirá seu negócio se tiver uma proposta única de valor, um diferencial que nenhum deles tenham;
  • Após estruturar e entender qual será seu negócio e como será, você deve buscar audiência antecipada. Tal audiência é um grupo de pessoas que você unirá por algum grupo, podendo ser online, para disseminar o que pretende montar, gerando sempre algum tipo de conteúdo para os mesmos. Neste momento, recomendo a utilização do método 8Ps do Empresário Conrado Adolpho;
  • Com o negócio estruturado e audiência formada é hora de investir para a abertura do seu negócio ou buscar investidor. Lembrando sempre que a audiência é essencial para que você faça um lançamento de sucesso, que não é representado por uma grande festa e sim, por um grande número de vendas.

 

Importante salientar que um negócio tem objetivo de gerar lucro, com certeza, porém, o lucro que o negócio terá está diretamente relacionado aos problemas que ele resolve. Sempre foque nisso, um negócio é uma atividade para resolver necessidades das pessoas, tão somente isso. Quanto maior sua capacidade de resolver a necessidade das pessoas, e quanto mais pessoas o negócio conseguir atender, maior será o sucesso do mesmo.

Caso queira saber mais sobre outros assuntos, siga-nos nas redes sociais e site descrito abaixo. Nosso foco é desenvolver o Brasil pelo único mundo possível, o mundo do EMPREENDEDORISMO.

Digite seu e-mail e seja notificado a cada novo post:

Formulário de contato

Envie dúvidas, sugestões e críticas:

Contato

Preencha o formulário ou deixe sua mensagem nas redes sociais:

logo sigla sa png (1)

Copyright 2019 ©
All Rights Reserved